sábado, 6 de outubro de 2012

A solução está dentro de vós. Nada procurem à volta.



 Mensagem de Arthrathon e Conselho Inter Galáctico

Transmitido a Ana Clara

5 Outubro 2012



“Precisas de repouso.
Repouso do Ser e do Sentir, preparação para a grande festa. 
Limpeza do Ser. Aceitar o estar.

Encontra-te dentro de ti mesma.
Encontrem-se dentro de vós mesmos.
O Universo trespassa-vos em Luz; vocês trespassam o Universo com a vossa Luz.
Dentro de vós, tudo contêm.
A solução está dentro de vós.
Nada procurem à volta.
À vossa volta, no mundo físico, apenas o que é simples, original, puro, Natureza... Sorriso puro... Olhos... Sentir...
Apenas isso vos deve importar.

Porque tecem as vossas vidas nos fios do dinheiro, do ter? Nada vos faltará, disso tenham a certeza.
Estão tão alicerçados como nunca o estiveram, conscientemente.
Todos, rodeados estão.
Todos, envolvidos estão.
Todos, Luz São.

Mais ou menos descortinada, por trás das névoas, há pontes. 
De passagem, de esperança.
Pontes para os que vão, pontes para os que vêm.
Não tenhas medo, não tenham medo de os ‘agarrar’, segurando apenas a mão, transmitindo uma energia que circula em vós e que apenas precisa ser acesa, desperta, noutros.
Não percam tempo com dedos que vos são apontados... Apenas lhes enviem abraços e beijos do mais puro Amor que transportam.

O teu laboratório (Cristal) está em ebulição!
As águas já não agitam, apenas salpicam. De frescura, limpeza, tranquilidade.
Nesse teu laboratório, apenas se espera um desfecho, do qual todos fazem parte, da qual todos são ingredientes e não reagentes.

Vocês são o Todo. Apenas o Todo.
Que lindas/os e perfeitas/os são! Não se subestimem.
Também não se sobrestimem! Esses, aos quais falta a simplicidade, tudo lhes fica confuso e inconcebível.

Ajam como crianças, que não temem o futuro.
Brinquem com a vida e a vida brincará convosco.
A Alegria é essencial. A tristeza, apenas para despejar.

Somos aqui 28 em comunicação, mais 11 que estão em sintonia, inclusive vocês. 39.
É o momento do Triângulo. Abrir, expandir.
É o momento do Triângulo fluir, elevar, ser Pleno.
Que confuso, não é?

Estão bloqueados apenas por uma massa cerebral que desconhecem...
Como se atribuíssem um Mackintosh a um ser primitivo... 
Não consegue tirar dali quase nada.
Assim são com o vosso cérebro...
Os vosso cérebros estão agora alicerçados em infinitos raios de Luz, que permitem outras compreensões.
Os vossos neurónios desconhecidos começam a trazer notícias diferentes... Neurónios banhados em sangue de Amor, linfa de Paz, hemoglobina de Luz.
Assim como a Terra, os vossos corpos circundantes estão já permeáveis a tudo o que estava vedado e encarcerado.
Só foi possível porque vós o permitistes, o consentistes. 
E já vêem que não há  as grades que vos foram ditas existir.
E em todos os momentos, essas ‘grades’ vos estão a incomodar: raiva, desespero, medo. Tanta emoção não desejada.
Têm que materializar na ilusão para tudo se desfazer.
Riam-se dessas vossas emoções, vejam como é difícil tê-las e melhor ainda libertá-las!

Dêem oportunidade ao Sentir.
Sintam, ‘bom’ ou ‘mau’, tudo faz parte do vosso equilíbrio.
Comandem vós mesmos, com o sentir do coração, o vosso cérebro e a vossa vontade. O que vos falta?

Não anseiem com os vossos desequilíbrios energéticos.
A doença, a dor, a morte, apenas aí se vive.
E apenas aí têm a maravilhosa oportunidade de lidar com essa aprendizagem. Não se esqueçam disso.

O ‘carro da vida’ tem continuado a deslizar, todos adormecem e acordam, sempre.
Param, choram, mas continuam a andar.
Isso é viver, ao encontro daquilo que apenas interessa, o conhecimento daquilo que estão a fazer: aprender a viver convosco mesmos e com a convivência com os outros.
Nessas tantas vidas que aí tivemos, uns entram e outros saem.
São esses aparentes equilíbrios e desequilíbrios que fazem aquilo que somos: mais conhecedores e sábios, Almas mais expandidas; Almas no encontro do Todo.
E nada trazemos nas mãos...apenas memórias em nós.

Vivam da maneira que escolherem, apenas o devem fazer com qualidade.
Qualidade na essência.
Qualidade no perdão.
Qualidade na dádiva.
Qualidade no  Amor incondicional.
Assim é esse o objectivo do vosso percurso, que não é meta. 
É apenas Ser...
Ser na União do todo.
Ser no Amor Maior.
Ser banhados nos Princípios Divinos do Universo.
Ser na Fonte.
Ser na Criação.
Ser, apenas.

Arthrathon Eu Sou.
Do que têm dúvidas? Dum rosto? Dum aroma?
De nada disso precisam, companheiras de Luz. Cavaleiros dos Tempos Somos. Fluímos na Luz. Apenas isso nos importa...
Jóias e poderes nunca nos satisfizeram. Apenas o Conhecimento! 
E não aquele dos livros. Apenas aquele que se vive, aquele que se descobre todos os dias.
É aceitarmos, em humildade e honra, quem Somos!
É amar sem ser espezinhado.
É dar sem ser roubado.
É lutar sem ferir.
É esperar sem doer!

Assim são feitos os Tempos, passados e futuros, unidos neste ponto do Agora. Unidos nesta bênção de saberem que não estão sós. Ninguém está só!
E quem se sente só, é porque não se ama, não ama e não se conhece...
Quem ama, não está só! Está em União.
E quem tudo quer nada tem, porque o Ser não coincide com o Ter. 
Apenas rimam...
E Amor não rima com União mas são complemento!

Não somos impiedosos, somos justos! Justos no equilíbrio da Perfeição.
Justos no Amor.
Justos na Luz.
Justos na Perfeição Divina.
Somos, Todos, o mesmo Ser. Nós e vós!
Não esqueçam, no vosso cérebro inexplorado ainda, isso. 
Somos Todos Um! Apenas.

Arthrathon Eu Sou.
Neste Amor Maior vos envolvo.
Conselho Inter Galáctico Somos.”

Arthrathon e Conselho Inter Galáctico



O texto pode ser partilhado através de qualquer meio, contanto que o conteúdo não seja alterado e a data da publicação e o local onde se obteve a informação sejam divulgados com o corpo da mensagem.É expressamente proibido sua comercialização sob qualquer forma.
wwwvoonaluz.blogspot.com

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...